tabelas dos certificados de aforro
Investir

Já consultaste as tabelas dos certificados de aforro para 2021?

0 Partilhas

Consulta e verifique o valor do reembolso.

Os Certificados de Aforro CTT são a escolha de muitas famílias portuguesas quando chega a altura de guardar as poupanças de forma segura e fiável.  

Independentemente de ter feito a sua subscrição há cinco anos ou há três meses, o interesse por ver o seu dinheiro a crescer é transversal.

As tabelas dos certificados de aforro referentes a 2021 estão disponíveis e já podes consultar e simular o valor do seu reembolso. 

Como é que se processam os reembolsos?

 Ao adquirir os teus Certificados de Aforro, compraste uma parte da dívida portuguesa, emprestando dinheiro ao Estado Português.

Assim, o Estado ficou responsável pela segurança do capital que investiu e pelo reembolso dos juros.

A poupança é reforçada a cada três meses, permitindo que o teu dinheiro cresça de forma estável e progressiva.

Ao fim dos primeiros três meses, tens a liberdade de retirar o dinheiro quando quiseres.

A forma como os juros a ganhar são calculados é através da soma da média da taxa de Euribor dos três meses anteriores.

Este valor é determinado mensalmente, para vigorar no mês seguinte.

Se a tua subscrição já tem mais do que dois anos, acrescenta-se a este ganho um prémio de permanência.
Trimestralmente, os juros são adicionados aos seus Certificados de Aforro para que o crescimento seja potenciado.

O reembolso dos certificados de aforro têm um prazo máximo de dez anos, em que ao fim deste tempo os valores são creditados na sua conta associada à Conta Aforro que abriste junto da Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública, no processo de subscrever aos Certificados de aforro.

No entanto, é possível fazer um resgate antecipado, quer do valor total como parcial, sem qualquer custo associado.
Desde que seja depois dos primeiros três meses de ter concluído a tua subscrição, nos devidos balcões nos Espaços Cidadão. 

Os impostos sobre estes ganhos não têm de ser da tua preocupação, uma vez que os CTT fazem retenção na fonte o que significa que o valor do imposto é retirado e entregue às Finanças, antes de o dinheiro chegar a ti, sem teres de os declarar no IRS. 

Como posso simular o valor de reembolso através das tabelas dos certificados de aforro?

 A subscrição de Certificados de Aforro dos CTT está disponível apenas a pessoas individuais, que através de uma Conta Aforro têm acesso a subscrever a um mínimo de 100 unidades e um máximo de 350 mil, cada Unidade corresponde a um euro.

 Ao abrir a tabela dos certificados de aforro, verificas que no reembolso para o mês de Fevereiro os valores correspondem ao valor de reembolso de cada unidade.

Isto significa que para fazer as contas do que vais ganhar necessitas de considerar os valores do último vencimento de juros da tua conta, que acontece a cada três vezes e fazer uma conta de multiplicação das suas unidades pelo valor que lhe é associado, de acordo com o ano em que subscreveste os certificados.

Também podes fazer aqui uma simulação geral dos ganhos dos teus Certificados de Aforro, mas tens de verificar que escolhes a série correta de acordo com o ano em que fizeste o investimento.

0 Partilhas